Enquete
Qual estação do ano você escolhe para seu casamento?
 
Relacionamento Amoroso

Todos nós nascemos dentro de uma família, que não foi nossa escolha, ela nos recebeu e acolheu. Ganhamos um pai, uma mãe e irmãos, crescemos neste ambiente familiar e aprendemos muito sobre este relacionamento que envolve a ligação sanguínea de honra, amor e respeito.

A única escolha que fazemos em nossa vida é a de nosso parceiro de união conjugal e amorosa, para que se transforme numa nova família e exigindo de nós muita responsabilidade, atenção e dedicação.


No início de um relacionamento amoroso, precisamos querer o parceiro e ele nos querer também, estar juntos e não depender do outro. Tem que existir o prazer da troca e de compatilhar. O que gostamos de dar e receber, o que não gostamos também, a autenticidade da palavra sincera expressa em cada momento bom ou difícil.

Tentar sempre criar um equilíbrio de sentimentos, sensações e respeito. Deixando a criatividade da flor da pele fluir em movimentos de compartilhamento, carinho, carícias e palavras doces, sem exageros na valorização do parceiro e nunca ignorar a sua presença no relacionamento. Mostrar sempre que os dois são importantes na relação, pois sentir inferiorizado acaba com qualquer auto-estima.

Uma receita de equíbrio como escreveu Anette Lewin num artigo:

"... Se tivéssemos que dar uma receita genérica, o que não é fácil, ela seria mais ou menos assim:

1) Leve ao fogo o saber ancestral, as regras de quem já pensou sobre relacionamento e consegue ser feliz dentro dele.

2) Acrescente aos poucos a noção de que uma escolha pessoal é apenas o início de uma trilha a ser construída no dia-a-dia.

3) Misture boas colheradas de respeito pelo seu prazer e uma xícara cheia de respeito pelo prazer do outro.

4) Pronta a massa abra um espaço para a sua individualidade.

5) Acrescente temperos que ambos apreciem.

6) Saboreie. Ah! E que seja eterno enquanto dure..."
          
Principalmente saber dividir e entender esta união com a bagagem familiar e de amigos que cada um trouxe, com seus espaços e experiências. Nunca se isolando e avistar como essencial somente o relacionamento de ambos.

Acreditemos que um relacionamento amoroso bem constituído e com muita tenacidade terá tudo para dar certo.


Artigo enviado pela colaboradora do C&Cia - A. Casanova

          

 Conselho de um Velho Apaixonado
 Canção dos Homens
 Canção das Mulheres
 Caviar - como servir
 A escolha da taça de cristal para vinho

                      Publicidade
Advertisement

Advertisement

Advertisement

Advertisement

               Guia de serviços
Anuncie no C&Cia

Anuncie no C&Cia

Anuncie no C&Cia

Anuncie no C&Cia

Calígrafos e Convites

Lista de Presentes