Enquete
Qual estação do ano você escolhe para seu casamento?
 
A taça de Cristal certa para Vinhos

Vejam a pesquisa e dicas do C&Cia.

O Cristal para o Vinho

A escolha do cristal com o qual se pode degustar um bom vinho é tão importante quanto a escolha do vinho em si.

As partes do Cristal

A – a Taça: a sua capacidade deve ser suficiente de modo que preenchido ao um terço, e não seja esvaziado dois goles.

B - o Bojo: é parte mais larga do cristal e não deve ser excedida pelo nível do vinho, o que teria por efeito de fechar novamente os odores do vinho.

C -  a Abertura: é a parte da taça que reduz para cima, concentrando os perfumes do vinho.

D – o Beber: é uma parte muito importante do cristal; não deve ser com pressa. Ao beber existe o contato com a boca, que deve ser fino e agradável. Os cristais “soprados à boca” têm sempre um que de beber com qualidade.

E - a Haste: é o caule que liga a taça a base. Um cristal toma-se pela haste e em nenhuma outra parte. Tomar o cristal pela taça faz aquecer o vinho e há um risco deixar marcas desagradáveis sobre a taça.

A base, que descansa sobre a mesa, assegura a estabilidade do cristal. Um cristal elegante é montado sobre uma base ligeiramente arqueado para cima.

F – Julga-se um vinho de acordo com sua cor,  por conseguinte a qualidade do cristal deve ser perfeitamente límpida, incolor e isenta de distorções.

Elaborado pela Equipe do C&Cia.


          

 Casamento Cancelado
 Um século atrás, um vestido de noiva custava US$ 18.50!
 Noivado do Príncipe William
 Vestidos de Noiva de Ouro
 Grandes Eventos Desportivos em 2010

                      Publicidade
Advertisement

Advertisement

Advertisement

Advertisement

               Guia de serviços
Anuncie no C&Cia

Lista de Presentes

Anuncie no C&Cia


Calígrafos e Convites

Anuncie no C&Cia

Anuncie no C&Cia